Skip to content

Diamante de Sangue – Crítica

10 junho 2011

 

Blood Diamond – EUA – 2006 – Direção: Edward Zwick  – Elenco: Leonardo DiCaprio, Jennifer Connelly, Djimon Hounson, Kagiso Kuypers – Duração: 138 minutos – Gênero: Aventura/Drama – Avaliação: Ótimo

Serra Leoa, década de 90. O país vive o ápice da guerra civil entre o governo e o grupo Força Unida Revolucionária (FUR). Durante uma invasão da FUR à sua aldeia, o pescador Solomon Vandy (Djimon Hounson) é capturado e levado para trabalhar em uma mina de diamantes. Lá, ele encontra um diamante cor-de-rosa valiosíssimo e o tenta esconder. No momento em que sua ação é descoberta por um membro da FUR, o governo ataca a mina e Solomon é preso, junto com os demais. Na cadeia, Danny Archer (Leonardo DiCaprio) ouve o integrante da FUR ameaçar Solomon por conta do diamante. Ex-mercenário e agora contrabandista de diamantes para a Libéria, Archer paga a fiança de Solomon e logo o obriga a fazer um acordo para que busquem o diamante, e em troca ele o ajudaria a encontrar sua família que foi separada. Sem opção, Solomon aceita a proposta e corre com Archer em busca da pedra, mesmo não confiando plenamente nele. Entretanto, neste momento Archer é sua única opção.

Mais que a busca pelo diamante, o filme mostra toda a crueldade que é imposta à Solomon, que tem sua vida destruída pela guerra e vê agora uma única chance de tentar resgatar sua família para estarem juntos novamente. A sua busca, sem dúvida, é o tema central do filme. Leonardo DiCaprio interpreta um mercenário, que mostra que para ele o dinheiro é o que mais importa. A realidade mostrada no filme com relação às crianças que perdem sua juventude é impactante e continua até hoje em lugares onde jamais temos conhecimento do que acontece. A desgraça e a ganância são universais. É claro que o sentido da vida é buscar o equilíbrio no sentido emocional e material, e por isto é que podemos usar o tema do filme para refletirmos nossas atitudes: hoje lutamos pelos nossos valores (família) ou pelo dinheiro (diamante)?  É claro que ambos são fundamentais e cada um nos custa um preço. Mas nem todos conseguem buscar os dois igualmente. Diamante de Sangue é um filme que deve comprado para ser visto quando estamos desanimados e ver em Solomon a inspiração que nos falta para alcançarmos o que buscamos.

Confira o trailer e assista:

 LClarindo, que não saberia distinguir um diamante!

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: